DICAS DE FILMES, LIVROS, BARES, PEÇAS E ESPETÁCULOS NO RIO DE JANEIRO

Música

♫ “Quisera ser um peixe”…

Nesta terça-feira (17/05), vai ter muita gente choramingando: “quisera não estar trabalhando às 12:30“, horário marcado para apresentação gratuita de Fagner no auditório da Rádio Roquette Pinto (94,1 FM).

Aposto que você sabia sobre quem era o post só pelo trecho do título! Engraçado, mas o primeiro pensamento que me acomete quando penso em Fagner é “Quisera ser um peixe”… Coisas da infância de quem assistia às novelas da década de 90.

Para quem trabalha pelo Centro do Rio, vale a pena dar aquela esticada até a rádio no horário de almoço. Aproveite e convide o chefe, você não vai ter problemas por chegar atrasado…

SENHAS:

2333-2094

agoranoar94.1fm@gmail.com

Postado por Clarissa Barcellos

Anúncios

LEBLON JAZZ FESTIVAL


Leblon, jazz e muito charme. Não, a tríade não constitui um roteiro de Manoel Carlos, mas a quinta edição do Leblon Jazz Festival, que vai rolar nas ruas do bairro no próximo fim de semana, nos dias 14 e 15 de maio, a partir das 14h. Confesso que essa será minha primeira vez no que já chamam de “mais charmosa  intervenção cultural do Leblon”, mas quem já conferiu gostou do que viu e diz que o evento é imperdível.

O festival acontecerá, principalmente, ao longo da Rua Dias Ferreira, que ficará fechada ao trânsito e abrigará o Palco Dois Irmãos. Esta edição vai contar com a Casa de Praia, instalação confeccionada em eucalipto, que  funcionará a partir das 10h, oferecendo gratuitamente atividades de bem estar. À partir das 15h, a Casa se transforma no palco Gentileza e recebe shows intimistas da programação.

PROGRAMAÇÃO

DIA 14 DE MAIO – PALCO DOIS IRMÃOS
Rua Dias Ferreira

14H00 – RIOCORESJAZZ QUARTETO
15H00 – SAMBULUS DUO
16H00 – GEORGE ISRAEL E PEPEU GOMES
17H15 – CHICO AMARAL QUARTETO
18H15 – ORQUESTRA VOADORA
19H15 – RODRIGO SANTOS (BARÃO VERMELHO)
20H30 – HERMETO PASCOAL E BANDA

* Durante os intervalos: DJ Gottcha

DIA 15 DE MAIO – PALCO GENTILEZA
Casa de Praia – Orla do Leblon

15H00 – QUINTETO NUCLEAR
16H00 – BONDE SOM
17H15 – FLÁVIO GUIMARÃES BLUES BAND
18H15 – FINO COLETIVO

* Durante os intervalos: DJ Gottcha

www.leblonjazzfestival.com.br
twitter.com/leblonjazz

Por Clarissa Barcellos


Samba, Jazz e MPB!

A cantora Indiana Nomma se apresenta nesta sexta em Copacabana

Confúcio falou, tá falado! “A música gera um tipo de prazer sem o qual a natureza humana não pode passar”. O próximo fim de semana está pipocando de atrações para os amantes da música e eu não posso deixar de postar minhas dicas.

Pra quem gosta de um bom sambinha, longe da “bagunça” habitual que o cerca, o projeto “Lapa de todos os sambas”, promovido pelo Centro Cultural Banco do Brasil, é uma ótima pedida. Além do preço atrativo da entrada – R$ 3,00 meia – o evento promete homenagear os sambistas Ismael Silva, Pedro Caetano, Wilson Batista, Noel Rosa, Geraldo Pereira , Nelson Cavaquinho, entre outros e comemorar a revitalização da Lapa.

O jornalista João Pimentel vai contar a história da vida musical do bairro e bater um papo com os convidados e o público. Para ilustrar a conversa, uma seleção de imagens do fotógrafo Bruno de Araujo vai exibir registros dos recantos do bairro, levando o público a um passeio mágico pelo “berço do samba”.

O evento começou em fevereiro, mas ainda dá tempo de curtir!

Lapa de todos os sambas

CCBB: Rua Primeiro de Março, 66, 2º andar (3808-2020). Ingressos a R$ 6,00 e R$ 3,00, meia.

Dia 5/4 – Sururu na Roda
Dia 19/4 – Batuque de Cozinha, com Delcio Carvalho
Dia 3/5 – Toque de Arte
Dia 17/5 – Elton Medeiros
Dia 7/6 – Elisa Addor, Makley Matos, Cana de Litro
Dia 21/6 – Roberta Nistra e Edu Krieger

Para quem está em uma levada mais tranqüila, melódica e refinada, a dica é curtir o show da cantora Indiana Nomma pelo projeto ” A influência do jazz”,  na Sala Baden Powell, em Copacabana. Os improvisos, a voz grave de Nomma, os músicos e um repertório que passeia pelo jazz, blues,  soul, e ainda MPB, fazem do show uma atração hipnotizante. Vale a pena conhecer este nome!

A influência do jazz

Sala Municipal Baden Powell (500 lugares). Avenida Nossa Senhora de Copacabana, 360, Tel: 2255.1067 – De quinta a domingo – às 20h – R$ 30,00 / R$ 15,00 (estudantes e idosos) – Classificação Livre.

O post tá farto hoje. Se você não ficou satisfeito com as opções, dá uma olhada nessa dica aqui:

As cantoras Maria Rita e Maria Gadú vão dividir o palco no próximo domingo, 27/03, no estádio Caio Martins, em Niterói. No show, promovido pela rádio MPB FM, as cantoras vão interpretar seus sucessos em uma homenagem ao Dia Internacional da Mulher.

Show As Marias

Local: Estádio Caio Martins
Horário: 20h
Preço: R$ 60 (Pista), R$ 100 (Pista VIP)
Pontos de venda: Lojas South e Banco de Areia / Posto Shell – Campo de São Bento, Icaraí / Mania de Torcedor e Casa do Atleta
Vendas online: http://www.ingressomais.com.br/eventos/show/1522

Endereço: Rua Presidente Backer – Icaraí, Niterói, RJ

Telefone.: (21) 2611-2656

Por Clarissa Barcellos


Scream for me, Rio!!!!!

Mais um pra coleção!

Eu grito, Bruce! Vcs merecem! Para os fãs do bom e velho metalll, a hora é essa! Os ingressos do Iron Maiden estão à venda. O show da Dama de Ferro acontece dia 27 de março, no HSBC Arena, no Riocentro. E tenham certeza: vai ser mais do que um show, será um espetáculo, porque Iron é teatro total. Já fui aos shows deles e posso garantir que todos são MARAVILHOSOS.

Dickinson, Steve Harris (baixo), Nicko McBrain (batera), Dave Murray, Adrian Smith e Janick Gers (guitarras) dão um show à parte. Eles são super, hiper, mega simpáticos. Ah, não posso me esquecer do Eddie, o mascotinho deles, que também está na torcida do meu Vasco. Quando ele entra no palco, eu deliro… Aliás, todos deliram.

Maiden, Maiden, Maiden, Maiden, Maiden ...

O repertório é sempre FODÁSTICO, com os maiores sucessos da banda. E olha que são muitos. Uma das coisas que mais gosto dos espetáculos do Maiden é que começam na hora. Sabe como são os britânicos, né?! Adoro isso! Já estou ansiosa para cantar mais uma vez ao vivo Hallowed Be Thy Name.

Maiden, Maiden, Maiden, Maiden, Maiden, Maiden, Maiden, Maiden, Maiden, Maiden…

Serviço básico:

Horário do espetáculo: 20h30

Abertura dos portões: 18h

Informações: 4003-1527

Preços:

  • PISTA PREMIER – R$ 400 (inteira) / R$ 200 (meia)
  • PISTA – R$ 210 (inteira) / R$ 105 (meia) 
  • NIVEL 1 – R$ 250 (inteira) / R$ 125 (meia)
  • NIVEL 3 – R$ 120 (inteira) / R$ 60 (meia)
  • CAMAROTES – R$ 400 (inteira) / R$ 200 (meia)

 Por Marcelle Colbert

 


Ingressos para Amy Winehouse

Alooooooooou gente!

Os ingressos pro show da Amy Winehouse – que acontece no dia 11 de janeiro no HSBC Arena – começaram a ser vendidos hoje. Tá o olho da cara sim, mas vale a pena, principalmente pra quem paga meia. Os preços são: R$ 180 (cadeira nível 3), R$ 280 (pista), R$ 340 (cadeira nível 1) e  R$ 700 (camarotes e pista premier). A dica é comprar logo, porque deve esgotar rápido.

As Garotas de Programas estarão lá com ceteza! Os ingressos podem ser comprados pelo site http://www.livepass.com.br/, direto na bilheteria do HSBC (Av. Embaixador Abelardo Bueno, 3401, Barra, de segunda a domingo das 10h às 18h), na Modern Sound de Copa (Rua Barata Ribeiro, 502, lojas D2, D4 e D6 – Copacabana) ou pelo telefone (11) 4003-1527.

Até lá!

Por Renata Cruz


MoLa 2010

A sexta edição da Mostra Livre de Artes – MoLA 2010 – invade os quatro cantos do Circo Voador a partir desta quarta-feira (27/10). A maratona que conflui música, artes cênicas e plásticas e projetos audiovisuais reúne mais de 400 artistas e promete dar à lona da Lapa quatro dias de muita badalação e cultura.

Além dos artistas convidados, o evento também cede espaço para artistas que inscreveram projetos pelo site. Os mais de 500 trabalhos inscritos ofertam um panorama das produções que estão rolando pelo país. Com telas dispostas no interior e no jardim do Circo, a mostra apresenta diversas temáticas do cinema: stop motion, vídeo experimental, vídeo dança, videoclipes, videoarte, documentário e ficção.

Você ainda pode topar com poesias fixadas no banheiro, pessoas andando em corda bamba entre as palmeiras, instalações e trabalhos interativos com foco no conceito de “sensação e sentidos”. Alem das peças teatrais, a festa é embalada por muita música, que faz uma viagem desde os mais alucinados timbres eletrônicos, passando pelo Folk, Punk, Pop e MPB até esbarrar no versátil Afrobeat.

 

De 27 a 30 de Outubro

O MoLA tem entrada gratuita das 19h às 21h

R$ 15 Estudante / 1Kg Alimento / 1 Livro

R$ 30 Inteiro

Circo Voador

Tel.: 021.2533-0354

Rua dos Arcos, S/N – Lapa – Rio de Janeiro – RJ

Por Clarissa Barcellos

 


Hoje tem Toca-Livros

Confesso que uma preguiça crônica atingiu as garotas de programas. Talvez seja a quantidade de feriados e pontos facultativos. Não sei… Comigo é assim: quanto mais tempo em casa, mais preguiça tenho. Mas, não podia deixar de divulgar esse evento, que foge do comum e parece ser muito interessante. É o Toca-Livros! Hoje, no Oi Futuro de Ipanema, o projeto que apresenta a música brasileira através da literatura apresenta Rodrigo Rodrigues e “As aventuras da Blitz”.

Na quarta-feira, dia 27, os cariocas poderão conferir Jamari França e “Os Paralamas do Sucesso: Vamo Batê Lata”. O livro não deixa passar nenhum detalhe sobre a banda formada quase acidentalmente num festival universitário por Herbert, Bi e João. A programação começa às 19h30, com distribuição de senha meia hora antes. O melhor disso tudo? A entrada é “de grátis”! Rs*

Por Marcelle Colbert


E o show foi dos fãs…

Sensacional! Green Day foi isso! Com certeza foi um dia inesquecível para o público, que testemunhou um verdadeiro show de punk rock. Como em 98, os fãs fizeram o espetáculo: subiram no palco pra cantar (“Queremos um novo cantor que saiba Longview. Quem vai ser? – mandou Billie”), tocar guitarra, ganhar uma Fenderzinha, pular pra plateia, dar banho de mangueira no público e dar uns amassos no Billie Joe. Me lembrou o show de um bandinha de garagem qualquer… mas não! Era Green Day, uma das bandas mais importantes do meu amado rock ‘n roll. Além disso, eles arrasaram no repertório. Foi uma volta ao passado. Só lembrava do dia em que coloquei o Dookie pra tocar pela primeira vez, no auge dos meus 11, 12 anos.  E o medley? Black Sabbath, Led Zeppelin, AC/DC, Guns (com direito a deboche e tudo. Adorei!), The Doors, Beatles etc… Pra mim, hey ho let’s go, dos Ramones, marcou, afinal estava ali relembrando a minha adolescência meio que punk. O show entrou em segundo lugar (o primeiro é do Metallica) do meu Top 10! Por isso, eu não perderia outro show do Green Day! Não mesmo! Três horas inesquecíveis!

O único momento irritante da noite foi quando o clássico êêêôôô foi repetido pela vigésima vez, mas eles foram perdoados!

Por Marcelle Colbert